Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lume Brando

26
Set11

Voilá, la galette!




Há muito que me apaixonei pelas galettes, esta espécie de tarte rústica de fruta, de origem francesa.

Mas até hoje a paixão era platónica, as minhas demonstrações de carinho não passavam de uns suspiros sempre que via uma receita e uma foto apelativa desta sobremesa, e de um silencioso "tenho de experimentar, tenho mesmo de experimentar".

Hoje foi o dia.

E se muitas vezes o amor à primeira vista não se confirma numa segunda e mais intensa aproximação, este não foi o caso.

Adorei a textura e o sabor da massa, ainda que a sua quantidade generosa de manteiga não deixe que se abuse nas fatias.
A fruta carameliza levemente e a sua acidez combina muito bem com o crocante açucarado da massa.

Para além disso, ficou tão bonita! Valeu a pena o tempo de refrigeração e de forno.
Sim, porque esta receita, tal como os grandes amores, precisa de tempo...



Galette de Ameixas e Framboesas
(adaptado da revista Everyday Food de Setembro 2009)

Farinha: 2,5 chávenas* + 2 colheres de sopa + alguma para estender a massa
230 g de manteiga sem sal fria
(usei com sal)
Açúcar: 3 colheres de sopa + 2 colheres de sopa + 1 colher de chá
1 colher de chá de sal
(não usei)
1/2 chávena de água fria
1/4 de chávena de amêndoa laminada tostada
5 ameixas frescas
(usei de casca muito escura e polpa branca firme, não sei o nome da variedade)
200 g de framboesas frescas
1 a 2 colheres de sopa de natas para pincelar
(usei leite)

Na Bimby ou noutro robot de cozinha, juntar as 2,5 chávenas de farinha com a manteiga, uma colher de chá de açúcar e outra de sal (se usar manteiga sem sal). Usar a velocidade 5 ou pulsar até ficar com o aspecto de migalhas grossas.
Juntar 1/4 de chávena de água fria e voltar à velocidade 5 ou a pulsar uns segundos até a massa quando apertada com os dedos se unir. Se estiver demasiado seca, juntar aos poucos a restante água e usar de novo o robot de cozinha.
Retirar a massa, formar uma bola, achatá-la em disco, envolver em película aderente e levar ao frigorífico durante 1 hora.
Entretanto, levar ao lume numa frigideira anti-aderente a amêndoa, a tostar um pouco.
Deixar arrefecer e triturá-la no robot de cozinha juntamente com 3 colheres de sopa de açúcar e 2 colheres de sopa de farinha. Reservar.
Lavar e enxugar as ameixas e as framboesas.
Cortar as ameixas ao meio, retirar o caroço e fatiar cada metade, mantendo no entanto as fatias unidas num dos lados.
Ligar o forno nos 180º.
Retirar a massa do frigorífico, estendê-la numa superfície enfarinhada, dando-lhe uma forma arredondada (não precisa de ser uma forma perfeita, o aspecto rústico desta sobremesa é o que lhe dá graça), e transferi-la para um tabuleiro forrado com papel vegetal.
Espalhar a mistura de amêndoa, farinha e açúcar por toda a massa.
Dispor a fruta por cima, deixando uma margem larga a toda a volta.
Dobrar essa margem de massa por cima da fruta.
Voltar a refrigerar cerca de 20 minutos
Pincelar a massa com natas (eu usei leite para não abrir um pacote de natas de propósito), e polvilhar por todo com o açúcar restante (2 colheres de sopa).
Levar ao forno durante cerca de 1 hora e 20 minutos, ou até a massa estar bem dourada e a fruta com aspecto borbulhante.

Para cozer mais rápido, pode ligar-se a ventilação do forno, mesmo assim, a massa deverá demorar cerca de uma hora a ficar bem dourada.

*250 ml de capacidade

7 comentários

Comentar post

Teresa Rebelo

foto do autor

Sigam-me

TOP 100 Food Bloggers

TOP 15 Blogs de Culinária Portugueses

Featured on

Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D