Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lume Brando

03
Abr14

Party mood.




Há pouco mais de um mês, fui surpreendida com um simpático e irrecusável convite do projecto Simplesmente Baby: contribuir com algumas receitas para a sua rubrica apetitosa chamada "À volta da mesa".
Todos os domingos, neste site cheio de bom gosto dedicado às famílias e aos mais novos, é agora publicada uma receita ou uma sugestão ligada à cozinha. A meu lado nesta aventura de sabores estão mais quatro bloggers cujo trabalho adoro:  a Ana, do Tapas na Língua, a Sandra, do Marmita, a Inês, do Ananás e Hortelã e a Susana, do No soup for you.

Estes cake pops foram a minha primeira sugestão e são uma perdição.
Parece complicado, mas garanto-vos que podem e devem mesmo tentar fazer isto em casa.
Depois de algumas experiências boas e menos boas (do género de ter cake pops a rachar ou a escorregar pelo palito), acho que cheguei à receita perfeita. Estes estão revestidos de cor-de-rosa, mas podem escolher de entre muitas outras cores disponíveis nas lojas de artigos para bolos ou usar até um chocolate de culinária que derreta bem. Deliciosos vão ficar com certeza.

E este domingo, volto a ser a convidada do S Baby. O que irá sair desta vez? Para não perder pitada é só fazer like aqui.














CAKE POPS DE CHOCOLATE
(para cerca de 50 unidades ou mais...)


Bolo:
2 ovos
1 chávena* de açúcar amarelo
1/2 chávena* de óleo vegetal
1/2 chávena *de água a ferver
65 g de chocolate em pó (ou 1/2 pacote)
1 chávena de farinha sem fermento
1 colher de chá de fermento em pó
*250 ml de capacidade

Ganache:
200 ml de natas
200 g de chocolate de culinária

Cobertura:
400 g de Candy Melts ou outras pastilhas coloridas de chocolate para fundir, ou  sucedâneo de chocolate para fundir (há colorido e resulta muito bem).

E ainda, 50 pauzinhos de cake pops (pode usar palitos de espetada, mas os de papel aderem melhor às bolinhas)
Sprinkles coloridos
3 bases de esferovite  (ou 3 ‘oásis’ de florista)

Pré-aqueça o forno nos 180º.
Unte bem uma forma pequena (14 ou 16 cm de diâmetro) com manteiga e polvilhe com farinha; forre o fundo com papel vegetal e volte a untar/polvilhar.
Coloque a água a ferver.
Com um batedor de varas, bata os ovos com o açúcar.
Junte o óleo, de seguida a água, e mexa bem.
Junte o chocolate, dissolva bem.
Envolva a farinha e o fermento.
Verta na forma e leve a cozer cerca de 25 minutos ou até um palito sair limpo do interior do bolo. Desenforme sobre papel vegetal e deixe arrefecer completamente.
Faça a ganache, partindo o chocolate em pedaços para um taça de vidro ou metal. Leve as natas a ferver e verta-as sobre o chocolate. Espere uns minutos e mexa com um batedor de varas até obter um creme liso e brilhante. Deixe arrefecer.
Quando o bolo e a ganache estiverem frios, desfaça o bolo para uma taça grande (reserve algum bolo para o caso da massa ficar demasiado mole) e junte aos poucos ganache amassando com as mãos (à partida não vai precisar da ganache toda). Para testar se a massa está no ponto, faça uma bolinha e espete um palito de cake pop: a bolinha não deve rachar. Derreta em banho-maria a cobertura escolhida (a água do recipiente de baixo não deve tocar no recipiente da cobertura), transfira-a para um copo alto, onde possa mergulhar os cake pops. Faça bolinhas (um pouco mais pequenas do que brigadeiros) e coloque-as sobre papel vegetal. Mergulhe a ponta de um pauzinho de chupa-chupa na cobertura e espete-o numa bolinha até cerca de metade desta. Repita a operação com as restantes bolinhas.  Fixe quais foram os primeiros cake pops que fez, para começar a cobrir esses, pois já terão o pauzinho mais firme.  Mergulhe cada cake pop no copo da coberura, retire, rode o cake pop suavemente para retirar o excesso de cobertura, salpique com os sprinkles (coloque uma taça grande por baixo, para aparar os que caem) e espete em esferovite ou ‘oásis’ de florista até secar.



14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Teresa Rebelo

foto do autor

Sigam-me

TOP 100 Food Bloggers

TOP 15 Blogs de Culinária Portugueses

Featured on

Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D