Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lume Brando

18
Fev14

O drama dos domingos à noite.






Em casa dos meus pais nunca se janta - ou melhor, nunca se cozinha à noite - ao domingo.
Em casa dos meus sogros existe o mesmo hábito, o que me simplificou a vida nos primeiros tempos de casada.
Mas não quer dizer que não se coma. Normalmente faz-se uma refeição leve, com sobras do almoço, ou então faz-se um lanche mais tardio, com chá e torradas.
Mas cá em casa, desde que o apetite dos rapazes se tornou um caso sério, há sempre uma pergunta a meio da tarde de domingo, que rompe com o cenário idílico de um fim de dia no sofá, sem tachos nem fogão: "Mãe, o que vai ser o jantar?". E de repente, sobretudo no início, instalava-se em mim 'o drama, a tragédia, o horror'. Atenção: eu adoro cozinhar. Mas também adoro às vezes não ter de o fazer!

A pergunta domingueira dos rapazes é inevitável e a resposta que me apetecia dar ("Faço-vos um Nestum ou um Cerelac, que dizem, ãh?"), nunca chega a ser verbalizada, ao imaginar as suas caras de desconsolo. Acabo por improvisar qualquer coisa, a par de um prato de sopa (que normalmente nunca falta no congelador). Às vezes trago sobras de casa dos avós. Mas nem sempre.

Tudo isto para dizer que estas caixinhas de pão de forma são muitas vezes a resposta à pergunta esfomeada. O recheio vai variando consoante o que há no frigorífico e são sempre um sucesso.

Quando a simpática Catarina, do blog "A menina da Mamã", me desafiou a apresentar uma receita na sua rubrica "Crescer com Sabores", lembrei-me de imediato deste big hit familiar (sim, porque eu e o pai acabamos sempre por devorar algumas também). Não sei quem inventou esta forma de usar o pão de forma, mas quem foi está de parabéns, pois é absolutamente genial.

Para quem ainda não tinha visto a receita aqui, cá está ela.


CAIXINHAS DE PÃO COM COISAS BOAS LÁ DENTRO
Para 4, como refeição leve

8 fatias de pão de forma (usei integral, com sementes)
8 tomates cherry
8 ovos de codorniz
4 fatias de fiambre ou 2 linguiças partidas aos pedacinhos
1 chávena de molho de tomate (usei caseiro, receita aqui)
1 chávena de queijo ralado
Pimenta preta
Folhinhas de manjericão para decorar

Unte com manteiga oito cavidades de um tabuleiro para muffins e polvilhe com farinha.
Pré-aqueça o forno nos 200º. Passe o rolo da massa pelas fatias de pão, uma a uma, para que fiquem mais finas. Apare a côdea com uma faca (ficam mais bonitas sem a côdea), e introduza uma fatia em cada cavidade untada do tabuleiro, moldando-a como se estivesse a forrar uma base de tarte.
Agora recheie as caixinhas: uma camada de queijo, uma camada de molho de tomate, pedacinhos de fiambre ou linguiça, um tomate cereja partido ao meio, outra camada de queijo. Não encha demasiado as caixinhas, pois ainda vão levar o ovo de codorniz.
Leve ao forno cerca de 12 minutos na posição do meio. Retire, coloque um ovo de codorniz em cada caixinha, polvilhe com pimenta preta acabada de moer e leve de novo ao forno, agora numa posição superior, cerca de 5 minutos ou até os ovos estarem no ponto. Não deixe cozinhar os ovos demasiado, fica delicioso com a gema ainda líquida.
Decorar com as folhinhas de manjericão e servir com salada.


19 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Teresa Rebelo

foto do autor

Sigam-me

TOP 100 Food Bloggers

TOP 15 Blogs de Culinária Portugueses

Featured on

Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D