Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lume Brando

14
Fev14

Be my valentine.



O dia de S. Valentim passaria despercebido, aqui por casa, se não fossem os rapazes a falar nisso e a fazer alguns pedidos relacionados com a data para levar para a escola.
Mas se é verdade que não há dias marcados para mimar aqueles de quem gostamos, nada impede que o dia 14 de Fevereiro seja especial.

Para quem gosta de o assinalar com um jantar cuidado, fica uma sugestão para a sobremesa: éclairs com chantilly e morangos e cobertura de glacé de chocolate.

Depois dos cupcakes e dos macarrons, parece que está a chegar, devagarinho, a moda dos éclairs.
Apesar dos que vos trago hoje serem relativamente tradicionais, a massa e a forma dos éclairs prestam-se a diversas combinações de recheios e toppings, das mais clássicas às mais ousadas.

A receita da massa que segui, foi a que aprendi no workshop "Sobremesas para o chá", com a simpática Joana Gonçalves do In the Mood for Sweets. Um evento que decorreu no Workshops Pop Up, um espaço muito giro na Baixa do Porto, e no qual participei a convite das farinhas Nacional.

No workshop, a massa de choux foi usada para fazer uns cisnes muito castiços, mas como eu estava no grupo que se dedicou aos sablés, acompanhei de longe a receita e fiquei com bastante curiosidade por testá-la em casa. Esta primeira experiência correu muito bem e já estou a pensar fazer mais uma fornada, mas agora para recheá-los com o absolutamente delicioso creme de limão que fizemos neste divertido workshop da Nacional.

Feliz Dia dos Namorados. Ou simplesmente, Feliz Sexta-feira!

ÉCLAIRS COM CHANTILLY, MORANGOS E GLACÉ DE CHOCOLATE

Massa (receita de Joana Gonçalves):

Dá cerca de 16 éclairs médios

80 ml de leite
100 ml de água
4 g de sal
4 g de açúcar
75 g de manteiga
100 g de farinha sem fermento (usei da Nacional)
3 ovos

Levar ao lume o leite, a água, a manteiga, o sal e o açúcar.
Assim que ferver, adicionar de uma só vez a farinha.
Mexer com uma colher de pau até a massa formar uma espécie de bola, descolando-se das paredes do tacho. Retirar do lume e passar para uma taça fria. Bater com a batedeira eléctrica numa velocidade média e ir acrescentando os ovos um a um, continuando a bater para os incorporar bem. Está pronta quando estiver uniforme, brilhante e macia.
Pré-aquecer o forno nos 200º (se usar dois níveis de forno, reduza para 190º e coloque na função ventoinha).
Forre dois tabuleiros de forno com papel vegetal. Coloque a massa de choux num saco de pasteleiro com bico largo liso e faça os éclairs, com cerca de 8 cm de comprimento.
Leve ao forno cerca de 18 minutos, sem abrir a porta durante a cozedura. Depois de cozidos, mantenha-os no forno até arrefecerem, com a porta entreaberta (use o cabo de uma colher de pau ou um pano de cozinha dobrado para criar a frincha na porta do forno).

Recheio (para 12):

8 morangos grandes fatiados
200 ml de natas para bater
3 colheres de sopa de açúcar amarelo ou a gosto

Lave e prepare os morangos. Bata as natas, que devem estar bem frias, em chantilly, juntamente com o açúcar. A meio do processo, adicione umas gotas de limão (ficarão mais firmes). Guarde no frigorífico se não usar de imediato. Para rechear os éclairs, faça um corte lateral, ao comprimento, com uma faca de serrilha. Use uma colher de sobremesa ou então um saco/bico pasteleiro para rechear com o chantilly. Coloque por cima deste algumas fatias de morango. Feche e termine com o glacé de chocolate.

Glacé de chocolate (para 12)
Adaptado do 'Livro de Receitas de Pastelaria e Sobremesas Vaqueiro'

65 g de chocolate de culinária
30 g de açúcar em pó
30 g de manteiga ou margarina Vaqueiro
1 ou 2 colheres de água fria

Leve a derreter o chocolate em banho-maria. Adicione o açúcar em pó e mexa bem com um batedor de varas até o açúcar estar bem dissolvido. Junte a manteiga em pedacinhos e deixe derreter bem, mexendo sempre, adicionando por fim a água. Mexer bem. Deve ficar um molho bastante liso e brilhante. Deixe arrefecer e, com uma colher pequena, aplique nos éclairs depois de recheados.

Nota: esta é uma sobremesa que deve ser feita no próprio dia, e montada (recheada e coberta), pouco tempo antes de servir. Se não for servir logo os éclairs, guarde-os numa caixa hermética, sem recheio nem cobertura.


11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Teresa Rebelo

foto do autor

Sigam-me

TOP 100 Food Bloggers

TOP 15 Blogs de Culinária Portugueses

Featured on

Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D